Beijar….esse pecado mortal !!!!

Beijo  paris 1952 6a0120a5c8d9a9970c017d3bcc93c5970c-800wi

**** “Era a um quilómetro de distância (risos). Era à janela e nos bailes, ao domingo e quarta-feira. Não é como hoje. Era uma lei e todos sabiam. Mas para namorar tinham de pedir aos pais. Os que não eram permitidos, os pais batiam (…) A avó era pobre e os pais do avô não deixavam porque eram ricos e queriam uma mulher rica. Os pais dele não foram ao casamento e até nos queriam matar. Na terra uma rapariga que andava com um rapaz, se ele a deixasse era raro ela casar, com medo que ela já tivesse sido beijada. Só quando estavam para casar é que se beijavam. Também faziam maroteiras como agora mas não se sabia. Um beijo na altura era uma desonra. Quando andavam na catequese já ensinavam que não se podia beijar. Agora depois da missa eles cumprimentam-se todos. Na altura “Ai Jesus!”

**** In “ Revista Mundo Actual “ Entrevista realizada por Martinho. Idade da entrevistada em 1974 – 32 anos –

**** Fotos : Net –
***********************************************************

Na década de 50 do século passado a cantora Ângela Maria arrasava nas paradas de sucessos do Brasil com esta bela melodia intitulada “ BEIJO ROUBADO “ de autoria de Adelino Moreira:

Dizem que beijo roubado
Embora seja de amor
Dizem que beijo roubado
Embora seja de amor
É crime na terra e no céu é pecado
Mas o homem criminoso e pecador
Para mim está tudo errado
Beijo roubado tem mais calor
Para mim está tudo errado
Beijo roubado tem mais calor
Quantos beijos eu ganhei do meu amor
Eu não contei nem ele contou
Mas nenhum beijo foi mais beijo
Que o primeiro beijo
Que eu fingi negar e ele roubou

Para mim está tudo errado
Beijo roubado tem mais calor
Para mim está tudo errado
Beijo roubado tem mais calor
Quantos beijos eu ganhei do meu amor
Eu não contei nem ele contou
Mas nenhum beijo foi mais beijo
Que o primeiro beijo
Que eu fingi não dar e ele roubou