Tabernas, pontos de encontro… e não só.

Contam-se pelos dedos as tabernas que ainda existem nas aldeias do interior rural. Na freguesia do Ameixial, concelho de Loulé, encontramos uma antiga taberna que ainda resiste às exigências dos novos tempos.

Há trinta e nove anos que Manuel João serve a vizinhança e alguma pessoas que por ali passam, quer para beber um “calcinho” de aguardente quer para comprar um pacote de massa ou um saco de adubo para a agricultura.

Esta taberna \ mercearia tem a sua história de vida e ainda conserva na memória o copo de medronho a cinco tostões ou o petróleo a vinte e cinco tostões o litro, quando no sítio não existia luz eléctrica.

Manuel João conta que chegou a ter a sua taberna aberta dia e noite e que estava animada toda a aldeia que ali se juntava em amena cavaqueira.

As tabernas do concelho de Loulé são locais típicos onde ainda se mantêm algumas tradições.

 

*** Fonte : Agenda C.M.L. – Imagem : Taberna algarvia (Vítor da Silva / Costumes e Tradições de Faro )

10 comentários a “Tabernas, pontos de encontro… e não só.

  1. Quem não conhece estes lugares de encontro, de discussão por vezes acalorada e de avio de pequenas coisas que nos fazem falta ? Viva as Tabernas e saia uma jinjinha. João Leon

  2. Tenho saudades da tasquinha onde ía comprar as Onças de Tabaco Duque para o meu avô. Custavam 3$30. Nessa altura ninguém falava que o tabaco matava. O que é certp é que ele fumou desde os dez anos e não morreu de qualquer doença que lhe surjice mas sim da velhice, que não perdo. Maria Amélia

  3. As velhas tascas e mercearias deram lugar aos mamarrachos super Marche onde há de tudo com muita fartura mas não há vcalor humano nem o prazer de um espaço com os antigos- Belga

  4. Através da visitante e amiga Esperança Afonso deixo aqui alguns elementos importantes para a foto que publiquei:
    “” Ó Amigo Tó, esta foto que ilustra o post do teu blog é de uma taberna de OLhão! Ficava essa taberna na rua onde tainda está uma das tabernas antigas de Olhão, o Sete Estrelas. esta taberna da foto era a taberna do Sr. António, e os tres homens que aí figuram estão perfeitamente identificados: Zé Grelha e João, o terceiro era um homenzinho que não sendo de Olhão, vivia cá há muito tempo (era de Ílhavo). Vi a indicação da fonte, mas é de todo incorreta. O Dr. Pina tem esta foto no seu álbum de Olhão Antigo: “”””””

  5. Tinha um familiar que teve uma Taberna on de eu me deliciava a ouvir as pessoas antigas contando coisas do seu tempo. Ambiente maravilhoso salvo uma ou outra bebedeirazinha . Isabel

  6. Fiz tantos recados à taberna lá da esquina. Comprei durante anos Onças de Tabaco marca Duque para o meu avô. Custavam 3$30 e ficava vendo enrrolar os cigarritos. Felizmnete nunca tive tentação por tabaco. E viva as tabernas de um canto ao outro do país. Foram casas de muita coisa até de cultura.

  7. Afinal uma nossa amiga, a Esperança Afonso descobriu que a taberna da foto fica em Olhão….e até conhece alguns dos fotografados. Obrigado. Palma

  8. Morei perto de uma. Todos os dias ouvia algumas conversas interessantes à mistura com uns copitos que faziam alargar algumas línguas, lol. Tudo coisas da vida e que o tempo leva. Maria Santos

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.