As árvores de todos nós !

DSCN4083

A FORÇA DOS MACHADOS

Foram mortas esta manhã algumas árvores que há muitos anos davam preciosa sombra ao antigo Hospital Nossa Senhora dos Pobres de Loulé. O velho Hospital, hoje transformado em clínica e propriedade da Santa Casa da Misericórdia , segundo está anunciado vai abrir em breve. E certamente para que o edifício agora restaurado possa ter maior brilho e visibilidade para os transeuntes, foi escolhida a solução mais simples ou seja, cortá-las pela raiz.

Muitas são as vozes que se levantam quando é exercida tal tortura com as árvores, esses seres admirados por tantos milhões de outros seres. Mas na verdade parece que pouco servem os protestos, pois é com alguma frequência que se vai vendo cair aqui e ali belos exemplares que nem sequer se encontram doentes ou feridas de morte.

“A ÁRVORE QUANDO ESTÁ SENDO CORTADA, OBSERVA COM TRISTEZA QUE O CABO DO MACHADO É DE MADEIRA “

( Provérbio Árabe )

Texto e foto: Palma

13 comentários a “As árvores de todos nós !

  1. Todos sabemos que é necessário cortar árvores. Mas estes abates que têm acontecido em Loulé não poderiam ser evitados ? Eu acho que sim. E assim como eu muitos mais louletanos.

  2. Sobre este assunto li há pouco no Mc Loulé este pequeno texto que diz resumidamente o que vai acontecendo em Loulé pela calada das manhãs de domingo.
    “Já não há palavras. Tudo pensado. À semelhança do Holocausto , em que tudo era planeado até à hora da execução final na Câmara de Gás, também com as árvores de Loulé, a racionalidade do abate é total. Faz-se toda a restauração da obra dando a ideia de que se vai preservar as árvores e depois do acto eleitoral, passa-se então ao acto final. Brilhante. Afinal, a Camila, tinha razão, no vídeo que produziu… ” Mc Loule

  3. Um texto interessante de uma camarada do Brasil – Blog Soubem. Continuem defendendo pulmão das cidades.
    ARVORES: OS PULMÕES DO PLANETA

    O ar que respiramos hoje é o mesmo que os nossos ancestrais respiravam, o mesmo que os grandes sábios do passado respiravam, e continuamos compartilhando-o com todos os seres vivos deste planeta.

    Podemos tomar consciência da respiração, e a cada inspiração sentir a expansão e a energia, e a cada expiração sentir a contração e o relaxamento.

    Podemos sentir a purificação dos pulmões e reconhecer a nossa semelhança com as árvores, chamadas de “pulmões do planeta”. Vemos que até a forma de uma árvore com raízes, galhos de diversos tamanhos, um sistema interconectado assim como a estrutura dos nossos pulmões.

    Para garantirmos uma melhor qualidade de vida para a nossa geração e para as futuras, precisamos ter oxigênio e ar puro, e para isso a vegetação, florestas, árvores, plantas e flores, são fundamentais.

    De acordo com pesquisas, se o desmatamento e a poluição continuar crescendo no ritmo atual, em alguns anos não teremos mais ar puro para respirar!!

    Isso é preocupante não?! Então precisamos ampliar a consciência ambiental tendo um estilo de vida mais saudável e sustentável, e respirar de forma adequada.

  4. Bom dia Palma; os nossos antepassados Árabes já tinham bem a noção do valor de uma Árvore. Sabe o que sinto ao olhar esta foto?… frio, muito frio… não é por acaso que na zona mediterrânica, as casas são pintadas de branco, como de branco os Árabes andam vestidos, precisamente para repelir o calor. Essas janelas que parecem espelhadas, (devem ser), conjuntamente com o branco da fachada, irão causar um “forno” na sua proximidade… tenho como experiência a “moderna” fachada do Monumental, que em dias de calor e quando lhe bate o sol, a 30 metros, está uma temperatura pior que no deserto. Não devem gostar do nosso Sporting,rsrs. Quarta devo andar por aí… se houver um pequeno espaço algures, diga que eu levo uma Árvore para plantar. Inté. L.F.

  5. Bom dia e boa semana. Infelizmente vem sendo um hábito … seria bom que antes de pensar em cortar, tratassem delas … outro dia aqui perto, caíu uma pernada enorme, que só por sorte não apanhou um dos muitos carros ali estacionados … logo de seguida deceparam a dita … e não só, mais outras … (se calhar porque fazem sombra aos arbustos … já dizia o Sttau Monteiro no Felizmente há luar …)… bem, uma coisa é certa, os passeios em algumas zonas da cidade, estão completamente danificados pelas raizes … será que não existem árvores próprias para colocar nestes sítios? … ah! eu amo a sombra das mesmas … sem sombra de dúvida!

  6. Vão mostrando a fachada das obras, que eles julgam que brilham, só que a cidade vai ficando cada vez mais cinzenta. Como diz o Luís Furtado a falta das árvores vai provocar o aquecimento daquela área porque está comprovado que uma rua sem arbonização tem um aumento de temperatura em relação a uma rua arbonizada. Além do aumento dos raios ultra-violetas. Ainda se substituiem-se as árvores cortadas por outras!!!

  7. Luís: Os nossos antepassados árabes foram uma grande civilização.\\ Esta coisa das janelas espelhadas deve ser para imitar os contos de fadas… só que esses só existem na grande imaginação dos escritores. \\ O nosso Sporting lá se vai arrastando penosamente com a pouca sorte atrás. Há momentos na vida das pessoas ou dos Clubes como neste caso, que o azar parece andar
    bem coladinho. Enfim. Se tivesse por aí uma árvore que desse abóboras
    mas bem altas rsss seria engraçado para colocar em determinados lugares.\\ Quando vier logo avisa.. com trombeta. rs. Abraço – Palma

  8. Lila: Não tenhamos dúvidas que todas as árvores têm que ser forçosamente limpas para evitar problemas maiores mas daí ao abate vai um grande caminho. Quanto à plantação de árvores os entendidos devem saber quais são as que não criam raízes enormes e que na verdade essas prejudicam quando são plantadas junto de edifícios. Mas eu não sou engenheiro nem arquitecto paisagista…\\ Mas é verdade que um dos muitos prazeres da vida e´sentarmo-nos no Verão à sombra de uma frondosa árvore.\\ Aguardemos então que quem comanda os destinos das nossas terras se vão apercebendo de certas falhas para que no futuro não as repitam de novo. Isto é apenas a opinião de
    um simples observador. Abraço e uma boa tarde. Palma

  9. Jorge: Tem razão ainda hoje tinha lido qualquer coisa sobre isso. Alguém explicava também que as ruas sem arborização sofrem de um aumento de calor em relação às outras.\\ Pode ser que realmente as substituam o que não me parece à primeira vista ser essa a intenção. Uma boa semana \Palma

  10. Li há pouco no Blog do António Almeida uma pergunta que o mesmo faz. Responda quem souber.
    Foram cidadãos do Leste Europeu ao serviço de uma empresa nacional, fornecedora da Autarquia contratada, seguramente por Adjudicação Directa, nos termos a verificar em “transparência” que cortaram estas árvores… Ou não, nada disso! Sendo a dona da obra a Santa Casa da Misericórdia deve ter sido ela a contratante! Esperem… a Visabeira é a empresa empreiteira e, até à conclusão da empreitada, decide, contrata e paga!!
    Mas, como esta coisa é tão parecida com outras coisas: Será que vamos pagar, nós os munícipes, 6 árvores a menos?
    Remunera-se a informação sobre a Identidade da Empresa que colocou os lenhadores!

  11. Caro Palma,

    Autorizar-me-ia a copiar o seu post para o macloulé? Quero fazer uma ronda pelos blogues de Loulé para mostrar como vêem os abates. Diga-me alguma coisa.

    Abraços
    João Martins

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *