Canção tão simples….

E porque não deixar aqui uma canção bem simples, para início de uma nova semana? Palavras simples que se unem a uma melodia que nos toca.

Gosto de ti… desde aqui até à lua….

O André Sardet canta em especial para os visitantes da ” Louletania”.

Obrigado.

Palma

7 comentários a “Canção tão simples….

  1. E que tal acompanhar a canção com a letra ? Para quem tem voz ou mesmo que seja uma nulidade vocal lol lool.
    Já pensei dar-te uma flor, com um bilhete, mas nem sei o que escrever.
    Sinto as pernas a tremer, quando sorris p’ra mim, quando deixo de te ver.
    Vem jogar comigo um jogo, eu por ti e tu por mim.
    Fecha os olhos e adivinha, quanto é que eu gosto de ti.

    (Refrão)

    Gosto de ti, desde aqui até à lua.
    Gosto de ti, desde a Lua até aqui.
    Gosto de ti, simplesmente porque gosto.
    E é tão bom viver assim.

    Ando a ver se me decido, como te vou dizer, como hei-de te contar.
    Até já fiz um avião, com um papel azul, mas voou da minha mão.
    Vem jogar comigo um jogo, eu por ti e tu por mim.
    Fecha os olhos e adivinha, quanto é que eu gosto de ti.

    (Refrão)

    Gosto de ti, desde aqui até à lua.
    Gosto de ti, desde a Lua até aqui.
    Gosto de ti, simplesmente porque gosto.
    E é tão bom viver assim.

    Quantas vezes eu parei à tua porta.
    Quantas vezes nem olhaste para mim.
    Quantas vezes eu pedi que adivinhasses.
    Quanto é que eu gosto de ti.

    (Refrão)

    Gosto de ti, desde aqui até à lua.
    Gosto de ti, desde a Lua até aqui.
    Gosto de ti, simplesmente porque gosto.
    E é tão bom viver assim.

  2. Bela cantiga. Bonita letra. Que sirva para embalar quem se gosta de sentir amado.

  3. São de canções simples como esta que se faz o nosso cancioneiro mais comercial. Apesar de simples são melodiosas e conquistam-nos. Nem todos conseguem fazê-lo. Boliqueime

  4. Nada como começar o dia com tal melodia … aquece a alma … já o “azul do céu” foi uma melodia muito bem concebida … gosto deste rapaz.

    Parece que temos o verão à porta … verão que se adivinha “tórrido” …

    Então e o Luis? tudo bem?
    Continuação de uma muito boa semana. Um abraço

  5. Nita D. Juan e Boliqueime fico satisfeito por esta melodia simples ter ido ao encontro do vosso gosto. Obrigado.

  6. Liliana: O Luis Furtado tem estado um tanto ou quanto triste como é natural nestas alturas de acontecimentos como aquele. Mas o tempo cura tudo….\\ O André Sardet também pode curar um pouco a nostalgia de muitos nossos amigos/as. Abraço

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *