Crises, salvadores e orações

Nestes tempos de crise em que Portugal e outros países mergulharam, fala-se mais assiduamente nessa figura controversa que governou o país durante 40 anos e que dá pelo nome de António Oliveira Salazar.

Encontrámos por acaso este documento que data de 1937 editado pela Diocese de Coimbra que apelava à oração por Salazar o Salvador da Nação Portuguesa. Palavras para quê ?

Ficamos com os escritos de Daniel Oliveira sobre a figura histórica a quem dedicamos hoje o presente post .

 

COITADINHO DO TIRANINHO. NÃO BEBE VINHO….NEM SEQUER SÓZINHO. BEBE A VERDADE E A LIBERDADE E COM TAL AGRADO QUE JÁ COMEÇAM A ESCASSEAR NO MERCADO….

(Fernando Pessoa )

 

……….. Salazar, que morreu há 40 anos, passou sempre muito bem uma imagem de modéstia e humildade, como se houvesse qualquer humildade em quem se julga, por direito, dono de um País. A imagem de um ditador a viver como os mais pobres fazia parte da propaganda do Estado Novo. Sabe-se hoje que a sua doença custou, fazendo as devidas actualizações, 1,5 milhões ao Estado. Por mim, uma vida não tem preço. Nem a de um ditador. Mas é bom recordar que esta factura foi paga por um Estado que não garantia aos mais pobres um Serviço Nacional de Saúde. Num país com índices de mortalidade infantil do Terceiro Mundo e uma esperança de vida muito abaixo da média europeia. Mas o maior custo da vida de Salazar ainda estamos a pagar com juros: 40 anos de isolamento, pobreza, paternalismo e ditadura. Um atraso enorme em relação a toda a Europa. E um povo demasiado habituado a obedecer.

 

(Fonte : “ Arrastão -Daniel Oliveira “ )

7 comentários a “Crises, salvadores e orações

  1. Tem razão o Daniel Oliveira. Nesse tempo ninguém tinha quase direitos nenhuns. Obrigações muitas. Que esses tempos não voltem jamais.

  2. Orações para um ditador é coisa quem não lembrava ao diabo mas sim ao Bispo da altura que venerava sua Excelência o hmem de Stª Comba. Que farsa. Que beatice tão falsa. Para esqueer mesmo. Lena

  3. Nõ vivi esse tempo mas os meus avós contavam que andaram descalços até fazerem a 3ª classe da primária pois nem a 4ª chegaram a fazer pois tiveram que ir trabalhar para o campo ajudando assim as despesas da casa. Duas sardinhas a dividir por cinco, pata descalça e direito nenhuns. Ainda há por aí umas bestas que gostavam que a coisa voltasse atrás. Filhos da…..

  4. A Igreja convivia com o Estado de braçao dado. Nem na Guerra Colonial se ouviram…..para láde meia duzia de cristãos progressistas. A hierarquia colaborou com todo o Estado Novo. Uma vergonha sem fim.

  5. mas esquecem-se de umas coisas: Antes de Salazar, Portugal não tinha ninguem que lhe emprestasse um tostão que fosse, porque não tinha credibilidade. Na 1ª Republica, os assassinatos de opositores, e até dentro dos proprios partidos, eram eram mais num mês, do que foram durante todos os governos Salazar em 40anos. Foi no tempo deste Salazar que muitos se formaram nas prisões, tais como o mario soares e o Alvaro cunhal, foi com este Salazar que pagou as dividas ao estrangeiro, foi este Salazar que construiu17.500escolas primárias que agora estão a ser vedidas, foi com este Salazar que a população portuguesa cresceu em 40anos 4milhões de pessoas,foi este Salazar que construiu um liceu em cada capital de distrito, As cidades Universitarias de Lisboa e Coimbra, milhares de Km de estradas e os primeiros Km de Auto Estradas, Muitas Pontes onde se inclui a ponte Salazar em Lisboa já preparada par ser instalado o comboio, a ponte na foz do Mondego uma obra de Arte entre muitas outras, muitas barragens, linhas de caminhos de ferro e suas carruagens, foi este Salazar que deixou o País sem dividas, e com uma fortuna acumulada de 200milhões de contos e 860toneladas de ouro Foi este Salazar que construiu o Estádio Nacional e o primeiro de maio ((que este foi de facto o seu maior erro não ter gasto tudo em muitas mais obras e outras benfeitorias para o país)) e assim já estes abutres que vieram depois do 25 de abril de setenta e quatro não tinham passeado e roubado tanto como sempre o têm feito dessa data para cá..

  6. Foi este Salazar que nos librou da guerra civil de Espanha e da 2ª Guerra Mundial que se estendeu por toda a Europa. Foi este Salazar reconhecido por todo o mundo mesmo pelos países seus inimigos, como sendo o mais inteligente mais competente e sobretudo o Estadista mais honesto que algum dia algum País já tivera. Morreu mais pobre do que estava quando foi para o governo, estes agora vão para lá, para enrriquecerem à custa do povo, comendo tudo quanto se produz, e ainda fazem dividas para os vindouros pagarem como já estamos a pagar. Salazar tambem comprou dois Submarinos! Mas quando entraram ao serviço já estavam pagos com dinheiro português, como todas as obras feitas por ele Salazar. Agora! Compram enrriquecem com os negócios, e as dividas ficam para as próximas gerações pagarem. E quando acabarem de os pagar já é preciso substituí-los por outros. Chamam a isto democracia? O Hitler tambem foi eleito democraticamente com o voto do povo! Vejam o que ele fez com o mandato que o povo lhe deu. As eleições está provado, que só servem para os politicos roubarem à vontade, e dizerem que estão a trabalhar com o apoio do povo. Mas não pôem na Letra Constituição da R Portuguesa, que qualquer politico, ou gestor publico, que desfalque a fazenda publica ou destrua empresa do Estado, jamais poderá ocupar um lugar politico ou publico na Nação. E porque não o fazem? Porque a maioria não são honestos como se está a comprovar cada vez mais pelo que vem a publico quase diariamente. E a minoria não consegue pôr essa clausula na Letra da Constituição da R Portuguesa, porque não tem a maioria.. Há alguma duvida nisto? Responda melhor quem souber porque eu sou quase analfabeto e não sei.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *