Em Tavira e no Brasil comia-se na gaveta ?

10687927_695611067183054_5139533285304696152_o

Tavira pela objectiva de Fernando Ricardo.

IMG_1599

Algures… comendo na gaveta

 

 

Desde criança que sempre ouvi dizer que  “os de Tavira comem na gaveta “. Na verdade não entendia bem  o que significava tal expressão. E das muitas vezes que me tenho deslocado a Tavira nunca  perguntei a qualquer tavirense  o significado  da frase que toda a vida nos habituámos a ouvir.

Hoje por acaso, encontrei num Jornal on line “O Estadão”, algo de muito interessante sobre este assunto. E mais fiquei a saber que no Brasil em alguns lugares do seu extenso território também era prática corrente «comer na gaveta ». Ora vejam só  a explicação dada  no referido jornal sobre este assunto que muitos ouviram falar mas nada sabem do assunto e outros nem chegaram a ouvir alguma vez.

 

““ Houve tempo em que os habitantes da cidade de Mariana, em Minas Gerais, Cuiabá, no Mato Grosso, e Araras, Campinas e Itu, em São Paulo, eram chamados de gaveteiros – era essa a qualificação popular. Em Portugal, tinham a mesma fama os moradores de Tavira, bonita cidade localizada a 30 quilômetros de Faro, na região do Algarve. Entretanto, no site Ciberdúvidas da Língua Portuguesa, assessorado pelo Ministério da Educação de Portugal, garante-se que jamais retratou a realidade. “Na verdade, Tavira (…) tem uma população muito hospitaleira, dando-se até o contrário do que a citada afirmação deixa no ar”, depôs o internauta Carlos Marinheiro. “Sempre que um forasteiro entra num lar tavirense na hora de almoço, arrisca-se a uma zanga se recusar a comida que, de imediato, oferecem-lhe.”

Os moradores da cidade acham que ganharam fama de gaveteiros porque, no passado, o comércio local não fechava na hora do almoço. Sem possibilidade de comerem em casa, os donos e os empregados dos estabelecimentos se alimentavam no trabalho. Quando chegava um cliente, enfiavam o prato na gaveta. No momento em que ia embora, reiniciavam o almoço. Por precaução, alguns mantinham o prato sempre escondido. Comiam abrindo e fechando a gaveta. Eduardo Frieiro, no livro Feijão, Angu e Couve (Editora Itatiaia, Belo Horizonte, 1982), explica de outra forma a reputação de Mariana. Afirma que seu povo, tendo poucos recursos, não escondia o prato por sovinice, mas por vergonha do que ele continha. “”

 

Fotos: Maria Ceu Calcinha e Fernando Ricardo

 

 

 

 

11 comentários a “Em Tavira e no Brasil comia-se na gaveta ?

  1. Está muito engraçado esta coisa de comer na gaveta. Mas a explicação está igualmente engraçada pois não fazia ideia porque metiam a comida na gaveta. Podia ser coisa muito muito antiga. E no fundo é.

  2. É interessante que esse velho hábito certamente já desparecido também fez escola em cidades do Brasil.

  3. Conheia a frase mas desconhecia o sentido dela apesar de ter uma ideia do que poderia ser. O que não sabia mesmo é que lá longe no Brasil o hábito também existia. MJ

  4. Proverbios sobre comer: 1.Quem bem come e bebe, bem faz o que deve.
    2.Ao pé de um bom estômago, coincide sempre uma boa alma.
    3.Bocado comido não apanha amigo.
    4.Quem está à mesa não se faz velho.

  5. Se o comercio estava abetrto à hora do almoço era natural que os empregados quando entrava algum cliente fechassem a gaveta onde tinham a comida. Nada mais natural.Maria

  6. Hello!I’m Portuguese and i couldn’t rissest sharing anhothe pearl with you guys How about the fisherman’s license (emitted by atm’s) which is printed (also) over thermal paper.There are (fisherman’s) story’s of licence checking by autorities, and when they reach for the paper, it’s all black (i try to immagine theyr faces)Solution? : They make a photocopy of the document in the ealy days.

  7. Costume bem antigo que ouvia contar a pessoas da minha família. Afinal não sabia que também no Brasil existia. Luciana

  8. Já conhecia a do Brasil. Tenho um tio no interior norte e há dois anos quando cá esteve falou-me dessa velha tradição de comer na gaveta.

  9. É hábito dizer-se por cá ” os tavirenses comem na gaveta e os de fora não comem porque os cornitos não deixam” ahahah

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *