Letra L do nosso abecedário – Luís Furtado

Carro alegórico de autoria do LF que está nesta altura a desfilar no Carnaval de Verão

Carro alegórico de autoria do LF que está nesta altura a desfilar no Carnaval de Verão

LUÍS FURTADO UM MESTRE LOULETANO

Na verdade o pintor/cenógrafo Luís Furtado natural de Loulé é hoje um Mestre

na arte de pintar quadros ou cenários.

Agora que chegámos à letra L do Abecedário da Louletania, dificil seria encontrar

alguém de Loulé que mais rápidamente nos chegasse à memória do que o nosso querido amigo Luís Furtado. Vai para dois anos que ele é visita assídua desta sala e os seus comentários fazem parte

desta tertúlia de amigos ou simples desconhecidos, de tal forma, que se houver um dia em que por qualquer razão ele não possa aparecer, a sua falta é desde logo muito notada.. Quer isto dizer que os amigos fazem-nos falta até numa simples conversa via internet.

O nosso comum amigo José Baptista, outro artista louletano de quem também falaremos um dia destes, segundo o Luís Furtado, foi a pessoa que o despertou para a arte de desenhar.

Em Loulé e nos seus tempos de adolescentes, entretinham-se nas longas noites de inverno de então, a desenhar aos serões, à luz dos velhos candeeiros a petróleo.

José Baptista tinha na altura, já algum «traquejo» para o desenho e o Luís Furtado tentava imitá-lo.

Não muito tempo depois e já em Lisboa para onde partiram em busca de um tal mundo novo que muitos jovens pensavam encontrar na Capital, lá se iniciaram nas artes da pintura, do desenho da cenografia e da B.D..

O Luís iniciou a sua carreira num antigo atelier de pintura cenográfica e desde então não mais parou. Durante muitos anos os grandes cinemas de Lisboa como o Monumental, o S. Jorge, o Condes entre outros, ostentaram grandes cartazes pintados por si e que anunciavam os grandes filmes da época assim como as Revistas do Parque Mayer.

Para além de tudo isto, o Luís Furtado sempre teve, segundo nos contou, uma paixão pela aguarela. Daí os muitos quadros que pintou até à data, muitos dos quais vendidos para o estrangeiro e outros ainda em sua posse facto que dará a possibilidade aos louletanos de os poder apreciar no próximo mês de Outubro na Galeria do Convento Espírito Santo.

Quase todos nós já vimos através da televisão, não sabendo porém quem era o seu autor , inúmeros cenários quer de Revistas,. concursos televisivos, óperas, peças de teatro e até os famosos Jogos sem Fronteiras, a arte do nosso pintor louletano.

Mas já lá vão mais de vinte anos que as gentes de Loulé e não só podem apreciar também anualmente, quer no Carnaval em Fevereiro quer nos Festejos de Agosto, a arte do Luís Furtado através do desfile dos carros alegóricos a maioria de sua autoria, e que fazem o encanto de miúdos e graúdos.

E que melhor final para este texto do que estas quadras do nosso imortal Aleixo:

Ser artista é ser alguém !

Que bonito é ser artista,

Ver as coisas mais além

Do que alcança a nossa vista !

A arte é força imanente

Não se ensina, não se aprende,

Não se compra, não se vende,

Nasce e morre com a gente.

(a) Texto de Palma e fotos de Furtado Júnior.

Luis Furtado

Na foto Luís Furtado junto do seu quadro "Conquista de Loulé"

foto5

Cartaz do filme " Jesus de Nazaré " pintado por Luís Furtado

62 comentários a “Letra L do nosso abecedário – Luís Furtado

  1. Parabéns ao Louletania pela homenagem ao artista louletano.
    Mais que merecida.
    Os artistas são e querem-se humildes. O Sr Luis Furtado é um exemplo vivo disso mesmo.

  2. Parabéns Luís Furtado…esta propaganda que vc fez do filme “Jesus de Nazaré” ficou perfeita.

  3. Nunca é demais homenagear quem o merece! … e o que Loulé tem de melhor! é bom que avive as memórias de certa gente!

    Ainda voltando à última exposição do Luis Furtado aí em Loulé, uma maior divulgação teria contribuido para um maior nº de visitantes … penso eu de que …
    … e o Clareza também merece ser incluido …

    Parabéns ao Luis Furtado e a Loulé!

  4. Olá Luís
    Dou-te os meus mais sinceros parabéns por esta tua página
    Decerto já não te lembras de mim. Pois eu nunca te esqueci.
    Moramos na Venda Nova Amadora. Lembra’me bem da tua mãe a bela modista que me fazia os vestidos.
    Eu travalhava no Laboratório Vitória. Lembras-te? Tantas vezes me foste buscar e levar ao Laboratório. Caso me queiras escrever tens ai o meu email.
    jociguerra@hotmail.com
    Beijinhos
    Joci

  5. Luis, Os meus sinceros sentimentos pelo falecimento da tua querida mae D. Albertina Furtado, minha grande amiga.
    Um abraco sincero Jocelinda

  6. Gosto muito de desenho e de pintura e aliás de todas as formas de arte; tendo nascido com um certo jeito para o desenho, fui premiado na Escola Primária de Alcácer do Sal, aos 8 anos de idade, por desenhos que fiz, exactamente do género daqueles que o Luís Furtado, tem feito durante toda a sua vida. sendo o Luís Furtado um artista de Loulé que sinceramente muito admiro!

  7. Não há dúvida que a arte nasce com a gente. Depois é uma questão de desenvolver técnicas com gente que já sabe . Este é é um grande artista. Parabéns a Loulé e ao Luís.

  8. Deve dar um prazer imenso saber pintar bem. Olhar depois para as obras além de ouvir os elogios quando são merecidos. Beto

  9. Grande artista este Luis Furtado. Tanto os quasdros que pinta cop0mo os desenhos para o Carnaval são de Mestre. Que nos continue a dar o seu melhor. Manel

  10. Luis Furtado grande desenhador e pintor louletano merece o reconhecimento dos louletanos. José

  11. Gosto imenso do quadro da Conquista de Loulé e do retrato do António Aleixo.´Parabéns. Marie

  12. Lembro-me desses cartazes que ocupavam as paredes dos cinemas em Lisboa. Monumental por exemplo. Parabéns Luis Furtado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *