O MUNDO A SEUS PÉS – 1

Grace Kelly

Marilyn Monroe

Sofia Loren

O título escolhido para o post de hoje, não se refere ao filme rodado em 1941 por Orson Welles, mas sim ao facto das três estrelas de cinema que vos apresentamos, terem tido em determinada altura das suas vidas, o mundo a seus pés.
Pela sua beleza, mas também pelo talento, conquistaram os écrans do mundo inteiro.
Grace Kelly nascida em Filadélfia em 1929 e falecida em 1982 é a 13ª lenda entre as 50 maiores da história do cinema. Vencedora de um Óscar, ficou  no entanto mais conhecida por se ter casado com Rainier III, príncipe-soberano do Mónaco.
Marilyn Monroe, nascida em Los Angeles em 1.6.1926 e falecida em 5 .8.1962 é uma das mais famosas estrelas de cinema de todos os tempos. Um verdadeiro símbolo de sensualidade e um ícone de popularidade do século XX.
Finalmente falamos de Sofia Loren. Nascida em 20.9.1934 em Roma, foi descoberta para o Cinema,  por Carlo Ponti, que posteriormente viria a tornar-se seu marido, apesar da grande diferença de idades que os separava. Actriz de fama mundial, trabalhou com grandes realizadores como Vittorio de Sica, Federico Fellini e Ettore Scola entre outros,  continuando ainda hoje apesar dos seus 76 anos, a ser capa de revistas tanto de cinema como de moda.
Aqui ficam alguns poucos elementos, sobre estas três  mulheres de encanto, para milhões de cinéfilos, mas convidamos desde já os nossos leitores a explorarem na Net a grande quantidade de informações sobre estas grandes Divas do Cinema, principalmente a sua  filmografia.
Numa próxima oportunidade, outras três estrelas  serão aqui lreordadas nesta humilde página da  “Louletania“.

Palma
Fontes:  Wikipédia; Blog “ Rose’s Place” e  “ Sofia i celeb.2.com”

10 comentários a “O MUNDO A SEUS PÉS – 1

  1. Três maravilhosos rostos. Três lindas mulheres e acima da média como actrizes. As fotos são lindas.

  2. Eu digo pra voces que sempre adorei Sofia.Veja suas respostas:
    * “Eu ainda gosto de mim, por dentro e por fora. Não em de vã maneira – Eu me sinto bem na minha pele.”

    * “Acho que a qualidade da sensualidade vem de dentro. É algo que está em você ou não está, e ela realmente não tem a ver com seios ou coxas ou seus lábios.”

    * “Se você nunca chora, seus olhos não podem ser belos.”

    * “É muito importante para um ator ou atriz voltar a olhar para tudo e todos e nunca se esquecer da vida real.”

    * “Sexo é como lavar o seu rosto – você faz apenas porque você tem que fazer. Sexo sem amor é absolutamente ridículo. Sexo segue amor, nunca precede.”

    * “As duas grandes vantagens que tinha ao nascer foi de ter nascido e saber que nasci na pobreza.”

    * “Quando se é uma mãe, você nunca está realmente sozinha em seus pensamentos. Uma mãe sempre tem que pensar duas vezes, uma para si e uma vez para seu filho.”

    * “Você tem que ter nascido um símbolo sexual. Você não se torna um. Se você nasce com isso, você terá isso mesmo quando estiver com 100 anos.”

  3. O que me admira era a qualidade fotografia que se obtinha naquele tempo. Fantástico. Elas eram mesmo
    as velhas Divas da 7ª Arte. Jota

  4. Falando das estrelas sem brilho cá da nossa terra, li agora no blog Mac Loulé de João Martins a tristeza de um louletano neste verão 2010::::::::::::::::::::::::
    Este verão não fiz footing no parque como sempre fiz todos os verões desde mais tenra idade. Este verão não tenho nenhum parque, jardim ou qualquer outro espaço minimamente verde, em Loulé, onde possa jogar com os meus filhos à bola ou simplesmente levá-los a um sítio onde possam livremente brincar. Este verão não desci a Praça da República à sombra das suas magnificas árvores. Este verão não fui ao cinema em Loulé pois não há um cinema em Loulé. Este verão não bebi um café na esplanada do Calcinha porque não gosto de cenários de guerra. Este verão não fiz. Fiz outras coisas é óbvio. Mas quem se rala?

  5. Palma; Pois eu neste verão, estou em “greve” e não saio nem por nada do atelier,rsrs. Pois é Palma, estas três beldades passaram pelas minhas manitas mais que uma vez… nada de más intenções, as manitas estavam decoradas com uns pincéis,rsrs. Desapareceu tudo, os únicos originais que existem da minha pessoa, decoram a escadaria de entrada do “Museu” do Bairro Girassol, onde se destaca o Roger Moore, armado em Bond, James Bond,rsrs. \\\ A frase do evento ficou mais curta, agora chama-se; “ONTEM, HOJE, AMANHÔ… trocado por miúdos vai dar ao mesmo… vou “gozar” que nem um perdido, quando for para o ar, por frases como, «no meu tempo que era bom», até já estou a rir antecipadamente,rsrs. será em parte uma homenagem a dois grandes amigos; Professor Duarte, (já falecido), e José Batista. Continua… Inté. L.F.

  6. Para mim a mais bela das três é a Grace Kelly. Diz o blog Terra;
    A carreira meteórica e cheia de sucesso de Grace Kelly foi interrompida de forma espontânea depois que ela conheceu o príncipe Rainier, em 1955, ao ser convidada pelo governo francês para participar do festival de Cannes.

    O conto de fadas se concretizou com o casamento dos dois. Rainier finalmente encontrou uma mulher, fato que garantiria a manutenção da independência de Mônaco após sua morte – sem herdeiros, o principado voltaria ao comando da França -, e Grace Kelly se casou com um pretendente que agradava aos pais.

    Longe das telas, mas não dos holofotes, Grace teve três filhos com Rainier: Caroline (nascida em 1957), Albert (1958) e Stephanie (1965).

    Apesar da vida de princesa em Mônaco, biógrafos e amigos relatam que a atriz não era muito feliz longe de casa e sentia falta da vida nos Estados Unidos. Ciumento, Rainier determinou que os filmes da mulher fossem banidos do principado. O conto de fadas terminou em 14 de setembro de 1982, quando Grace Kelly morreu em um acidente de carro em Monaco, aos 52 anos.

  7. Diz o Bordallo e bem que este Verão de Loulé é para esquecer. Tudo tão mal estruturado que diríamos estar na presença de amadores sem pingo de imaginação. Este PSD faz lembrar o do Pontal onde Mendes Bota gritava ao seu Povo… Este homem mora em Massamá… este homem não dorme em hoteis…. e Paços Coelho encolhido por detrás dos seus guarda-costas lá ía olhando como quem entra na feira do Relógio lá para as suas bandas. Será que Seruca Emídio irá mudar-se para Massamá ? Todos esperamos que sim. Sim.
    D. Fuas

  8. Luis Furtado: Então estas beldades passaram pelas suas manitas várias vezes ?rss. Mais uma vez digo que é uma pena todos esses registos terem desaparecido.As máquinas digitais apareceram já muito tarde….Até é possível que haja quem tenha registos desses cartazes… talvez os jornais como Diário de Noticias e pouco mais, já que o Século ilustrado, o Século, o D.de Lisboa, a Capital e outros desapareceram.

  9. Passei pelo blog do J. Martins e lembrei-me da célebre canção;
    Esta Lisboa que eu amo,
    Sinto o mar a cada esquina.
    Um dia vou ouvir os Louletanos cantarem,
    Esta Loulé que me envergonha,
    Sem o verde a cada esquina.
    Carlos

  10. Pelo que li para aí o Quiosque da Camila festeja hoje anos. Se estivesse activo continuaria a ser o blog mais procurado do concelho porque era o mais interventivo. As suas verdades doíam na carapaça de quem se derigia. Assim apesar de alguns blogs manterem alguma oposição ao poder pobrezinho de Loulé ela faz mais falta do que nova praça da republkica ou seja o novo deserto de loulé concelho. Tristes tempos estes apesar de algumas festas para tapar os olhinhos ao pessoal.
    http://www.youtube.com/watch?v=ETznsEa1oWQ&feature=related

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *