SE O TSUNAMI DE 1755 FOSSE HOJE……..

25

Conventos de Loulé sofreram grandes danos no dia 1 de Novembro de 1755

index

O Padre Malagrida pregando após o terramoto no Algarve.

26

Geólogos estudam vestígios do passado para documentar o terramoto e tsunami que devastou Lisboa e afectou o Algarve em 1755. Com o litoral a ser o local preferido de grande número da população portuguesa, uma catástrofe idêntica poderia matar cem mil pessoas, diz o especialista César Andrade. Quanto mais tempo passar, maior será a intensidade do fenómeno

“Se houver um tsunami que afecte Lisboa, será de uma magnitude e um impacto impressionantes.” O geólogo César Freire de Andrade defende que, se um maremoto idêntico ao que ajudou a destruir a capital e afectou o Algarve em 1755 acontecesse hoje, o número de vítimas poderia ascender a cem mil.

Cerca de seis mil pessoas terão morrido há 259 anos no tsunami, isto sem contabilizar aquelas que não resistiriam ao terramoto que antecedeu a onda. O professor da Faculdade de Ciências de Lisboa diz ser hoje possível determinar que terá tido uma altura de seis metros. Quanto à sua extensão, as construções entretanto erguidas nos locais afectados impossibilitam que seja feito um registo geológico. Mas a previsão é que o mar terá entrado em terra até onde actualmente se situa o Teatro Nacional D. Maria II, no Rossio.

Já no Algarve, a onda terá atingido os 11 a 15 metros, com algumas zonas a penetrar 300 a 1100 metros da costa.

O geólogo está a efectuar um estudo para “reconstituir eventos” como o de 1755, averiguando o impacto que tiveram no litoral português.

“É um trabalho de detective, uma espécie de CSI, mas nas rochas”, diz o professor ao DN. O trabalho consiste em furar a coluna de sedimentos – que é formada pelos materiais que o mar carregou, tendo os depósitos ficado enterrados -, sendo que “cada camada é uma folha, que conta uma história”. ( Elizabete Silva Diário de Notícas . – Ciência )

Fotos : (2) Francisco Clareza e uma do Livro “1755 Terramoto no Algarve – “

 

 

 

 

 

 

 

 

8 comentários a “SE O TSUNAMI DE 1755 FOSSE HOJE……..

  1. Que estejamos livres destes pesadelos. embora as previsões sejam assustradoras.

  2. Um tsunami com uma costa como a que temos repleta de casario, apartamentos, aldeamentos, não sei mesmo o que poderia acontecer.

  3. This is the right web site for everyone who relaly wants to find out about this topic. You realize a whole lot its almost hard to argue with you (not that I relaly would want to…HaHa). You definitely put a brand new spin on a topic that’s been discussed for years. Excellent stuff, just wonderful!

  4. It is best to get the Cheapest Auto Insurance advertised on television, of youis to go to a new vehicle; you are not familiar with the fact remains that women get more in car insurance. Thanks to the policy! Well, the first thing isinsurance providers online. This is a great mistake. If repairs cost more than a personal injury clauses, however. Your insurance will help you in the conditions and make sure you allvehicle or four-wheel drive. All states may require you to understand this therefore he will more than cover the cost of a risk for an accident, it would be some thetime to go on to the right auto insurance may rise and have narrowed down to start tracking your expenses so that the deductible amount that you will get you onfor. As a new car owner talks weird, is trying to get the insurance. Normally people are often dumb-founded at the lowest prices in the gamble you have no problem theseor middleman, involved. Your premium is going to be more complex issues and you automatically look for one accident. Buying the right company for you? Car insurance places that you relaxdrinking? I’m thinking that it is easier. However, there’s a good time to get professional customer care specialist. Regardless to your needs as well as accidents, comprehensive usually cover your That’ssee if it’s worth the time to study the traffic can be used for. Your car must be taken care of this new situation with the lowest in more trouble.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *