VIVA A MÃE SOBERANA!!!

Mae soberana 3 Mae soberana 1 Mae soberana 2

Terminaram neste domingo as festividades em honra da Padroeira de Loulé Nª Sª da Piedade.

Oito homens carregam o andor, vestidos de calças e opas brancas, sobem o íngreme cerro, ao ritmo acelerado da música da Banda Filarmónica Artistas de Minerva, acompanhados pela população a exibir-se em manifestações diversas mas verdadeiramente sentidas. A escalada do caminho que dá acesso ao altar da Nossa Senhora da Piedade é um documento espantoso da fé cristã nesta terra. Ao esforço gigantesco dos homens que transportam a Virgem, alia-se a força espiritual dos muitos fiéis que, em vivas à Nossa Senhora, em passo vivo e na cadência musicada dos homens da banda, vão “empurrando”, no calor da fé e calçada acima, o pesado andor da padroeira.

As festividades terminam com um espetáculo de fogo-de-artifício, junto à Ermida da Nossa Senhora da Piedade, pelas 23h00.

Esta tradição que remonta ao século XVI constitui a principal manifestação religiosa a Sul de Fátima e, nesse sentido, é também um cartaz turístico para a cidade de Loulé e região algarvia.

Nesta demonstração de grande culto pela fé existem duas vertentes distintas: a religiosa, no seu mais sentido significado, e a profana, na mais ampla e liberal exteriorização popular. Este cenário imenso da religiosidade louletana, de características tão locais como únicas, só pode ser sentido na alma de cada crente, quando vivido. Uma vivência feita de fervor religioso e de testemunho cristão, cuja explicação reside unicamente na essência dogmática da própria fé.

Abril-2013
GAP /RP

Agradecimentos a Luis Guerreiro.

Foto antiga : Obtida no principio do Século XX ; as restantes foram obtidas por José Costa no dia de hoje.

8 comentários a “VIVA A MÃE SOBERANA!!!

  1. O Hino da Senhora da Piedade que é cantado durante as festividades tem a seguinte letra:
    Hino da Nossa Senhora da Piedade

    Ó doce Mãe da Piedade,

    Ó Maria Imaculada

    Sede para sábio e rude

    A nossa mãe muito amada

    Sede a nossa Protectora,

    Ó doce Virgem Maria.

    Sede a Rainha, Senhora,

    Da nossa terra algarvia.

    Sede a nossa Mãe Soberana.

    Nossa esperança, amparo e luz.

    Sede a Guia carinhosa

    Que pobres e cegos conduz.

    Terra de Santa Maria,

    Ó bendita Mãe de Deus,

    Todo o povo em vós confia.

    No mar, na terra e nos céus.

  2. A Mãe Soberana é de todos os louletanos sem distinção de classes ou credos religiosos. É a nossa Padroeira !

  3. Quem vai uma vez não quer deixar de lá voltar. É entusiasmante aquela subida cerro acima.

  4. Portanto, se nós Católicos veneramos os Santos por causa do seu seguimento a Cristo, estamos prestando homenagem ao próprio Cristo, autor da santidade. O culto aos santos não nos afasta de Cristo; antes nos aproxima Dele.

    Exemplificamos esse amor nas palavras de Jesus. Amor. Amar o próximo. Assim , quando eu amo o meu próximo como irmão, não estou diminuindo com isso o meu amor por Deus; no outro estou amando Deus. Venerar um santo é o mesmo que proclamar a vitória da ação do Espírito Santo nele.

    É, portanto um ato de adoração ao próprio Deus. Os Santos devem ser estímulo e modelo para nossas ações. São Paulo, apóstolo de Cristo, na primeira carta aos Coríntios 11,1 nos pede para sermos os seus imitadores na fé em Jesus Cristo, ele diz: ” Sejam meus imitadores, como eu sou de Cristo”. O mesmo São Paulo diz que Jesus é a imagem do Deus invisível (Cl 1,15).

    Leia mais em: http://www.webartigos.com/artigos/culto-de-imagens-afinal-e-permitida-essa-pratica-segundo-a-biblia/74964/#ixzz2QkVIG0Zn

    Ana Zeller

  5. Do Padre kRISTIAN sHANKAR :
    O sentido da veneração das imagens, segundo a tradição dos apóstolos, está resumido nesta bênção de imagens, do Ritual Católico:

    “Deus eterno e Todo-Poderoso, não reprovais a escultura ou pintura das imagens dos santos, para que à sua vista possamos meditar os seus exemplos e imitar as suas virtudes. Nós vos pedimos que abençoeis e santifiqueis esta(s) imagen(s), feita para recordar e honrar o vosso Filho Unigênito e nosso Senhor Jesus Cristo (ou : o(s) Santo(s) NN. Concebei a todos os que diante dela(s) desejarem venerar e glorificar o vosso Filho Unigênito (ou : o(s) Santo(s) NN.), que por seus merecimentos e intercessão, alcancem no presente a vossa graça e no futuro, a glória eterna. Por Cristo, Nosso Senhor. Amém “.

  6. Este ano ainda teve mais brilho a grande Festa da Senhora da Piedade. Que para o ano todos possamos estar cá para acompanhar tão belo espectáculo profano e religioso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *